Asteroide em direção a terra

Maior asteroide conhecido passará “perto” da Terra em 2021 Além de seu diâmetro de cerca de um quilômetro, o asteroide passará “perto” de nosso planeta a uma velocidade superior a 120.000 km/h. (Crédito: Reprodução/NASA) Da redação 12/02/21 - 23h38 - Atualizado em 12/02/21 - 23h40 Em 21 de março de 2021, a Terra deve esperar ver um visitante incomum passar. De fato, além de seu diâmetro de cerca de um quilômetro, o asteroide 2001 FO32 passará “perto” de nosso planeta a uma velocidade superior a 120.000 km/h. Embora seja classificado como potencialmente perigoso devido às suas propriedades orbitais, sua passagem não representa risco para a Terra.
Asteroide em direção  a terra
Em 21 de março de 2021, a Terra deve esperar ver um visitante incomum passar. De fato, além de seu diâmetro de cerca de um quilômetro, o asteroide 2001 FO32 passará “perto” de nosso planeta a uma velocidade superior a 120.000 km/h. Embora seja classificado como potencialmente perigoso devido às suas propriedades orbitais, sua passagem não representa risco para a Terra. O asteroide tem cerca de 0,8 a 1,7 km de diâmetro e estará a 2 milhões de quilômetros da Terra no 21 de março de 2021. Embora não haja risco de impacto, o objeto é interessante porque é uma das rochas espaciais mais rápidas conhecidas a passar perto da Terra. + Viral no TikTok, veja como começou o #JerusalemaChallenge Um asteroide é designado como “potencialmente perigoso” quando sua órbita cruza a da Terra a uma distância de no máximo 7,5 milhões de quilômetros e seu diâmetro é maior que cerca de 140 metros, de acordo com o Centro de Estudos de Objetos da NASA. Telescópios no Novo México detectaram o asteroide em 23 de março de 2001. Desde então, os observatórios observam isto. Os astrofísicos usaram essas observações para calcular a órbita do asteróide e determinar a que distância a rocha espacial se aproximará da Terra quando passar perto de 124.000 km/h. Nenhum asteróide conhecido representa um risco significativo para a Terra nos próximos 100 anos. A maior ameaça conhecida atualmente é um asteroide chamado 2009 FD, que tem uma chance de 1 em 714 (menos de 0,2%) de atingir a Terra em 2185. A NASA está estudando métodos para desviar asteróides que acabam em rota de colisão com a Terra, como usar a gravidade de uma espaçonave para desviar lentamente os asteroides de seu caminho a uma distância segura o suficiente. Um aspecto interessante dos asteroides é que os observadores usando telescópios pessoais podem identificá-los como “estrelas” em movimento. Normalmente, leva pelo menos 5 a 10 minutos para que os usuários do telescópio detectem o movimento de um asteróide na frente de seu campo estelar. Mas o asteróide 2001 FO32 passará perto da Terra a uma velocidade tão alta que, quando se aproximar, os observadores usando telescópios de 20 cm ou maiores serão capazes de ver seu movimento em tempo real.
Article Number: 22833
Read. 283 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

Elisabeth Campos Avelino

Contact Me.

  • Email
  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.