Blockchain

Em 1998, Wei Dai publicou a descrição do "Dinheiro B", um sistema eletrônico e anônimo de pagamento.[18] Pouco depois, Nick Szabo criou o "Bit gold".[19] Assim como o bitcoin e outras criptomoedas que o seguiram, Bit Gold era um sistema de moeda eletrônico que exigia seus usuários completarem uma função de prova de trabalho, com as soluções sendo criptograficamente computadas e publicadas.
A primeira criptomoeda descentralizada, o Bitcoin, foi criado em 2009 por Satoshi Nakamoto. Foi usada a SHA-256, uma função hash criptográfica, como esquema de prova de trabalho.[20][21] Em abril de 2011, o Namecoin foi criada como uma tentativa de formar um DNS descentralizado, o que tornaria a censura na internet algo muito difícil. Em outubro de 2011, Litecoin foi lançada. Ela foi a primeira criptomoeda bem sucedida a usar scrypt como função de hash ao invés de SHA-256. Outra criptomoeda, Peercoin, foi a primeira a usar um híbrido de prova de trabalho e prova de participação. Muitas outras criptomoedas foram criadas, entretanto poucas obtiveram sucesso, devido à falta de inovação técnica que as mesmas trouxeram. Em março de 2014, surge a primeira criptomoeda com origem portuguesa, o CryptoEscudo. Em 6 de agosto de 2014, o Reino Unido anunciou que seu tesouro foi comissionado para fazer um estudo acerca das criptomoedas, e que papel, se algum, elas poderiam desempenhar na economia. O estudo também tinha como propósito definir se a regulação de criptomoedas deveria ser considerada.[22]
A partir de 2014, uma 2.ª geração de criptomoedas surgiu, como Monero, Ethereum e Nxt. Essas criptomoedas possuem funcionalidades avançadas como endereços escondidos e contratos inteligentes.
Em 2014, foi criada uma criptomoeda chamada RaiBlocks, resolvendo problemas conhecidos do Bitcoin, tais como as taxas, demora nas transações e o alto consumo de energia. Ao contrário do Bitcoin, RaiBlocks é instantânea e não há taxas para efetuar transações. Em 2018, a moeda foi renomeada para Nano.[23][24][25]
Publicidade Representantes dos bancos centrais afirmaram que a adoção de criptomoedas como o bitcoin é um grande desafio para a habilidade dos bancos em influenciar o preço do crédito para a economia. Também foi afirmado que, quando o uso de criptomoedas se torna mais popular, haverá uma perda da confiança dos consumidores nas moedas fiduciárias.[26]
Jordan Kelley, fundador do Robocoin, lançou o primeiro caixa eletrônico de bitcoins nos Estados Unidos da América em 20 de fevereiro de 2014. O quiosque instalado em Austin, Texas, é muito semelhante aos caixas eletrônicos bancários, mas possui scanners para ler documentos emitidos pelo governo, como carteiras de motorista e passaportes, para identificar seus usuários.[27]
A Fundação Dogecoin, uma organização beneficente que gira em torno do Dogecoin e co-fundada pelo co-criador do Dogecoin, Jackson Palmer, doou mais de $30.000 dólares em unidades de Dogecoin para ajudar a financiar a viagem da equipe jamaicana de trenó para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 em Sóchi, Rússia.[28] A comunidade crescendo em torno do Dogecoin procura cementar suas credenciais beneficentes através do levantamento de fundos para patrocinar cães de serviço para crianças com necessidades especiais.[29]
Entre 16 e 19 de maio de 2018, a criptomoeda Bitcoin Gold[30], uma vertente baseada da Bitcoin, sofreu um ataque de 51%, onde o hacker controla 51% do poder de processamento para forçar o registro de uma operação falsa. O hacker pode ter roubado até US$ 18 milhões.
O chamado "ataque de 51%" é a falha fundamental que existe no modelo de "blocos encadeados" ("blockchain") adotado pelas criptomoedas e ocorre quando um indivíduo ou grupo obtém mais de 51% de todo o poder de processamento disponível para a rede. Para evitar essa falha, é preciso que a moeda tenha um grande número dos chamados mineradores atuando de forma independente.[31]
Blockchain
Article Number: 8154
Read. 314 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

eric guerra

Contact Me.

  • Email
  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.