Canário da Terra.

Canário da Terra.

Canário-da-terra vive em bandos e ocorre em quase todo o País

Comedouro com quirela de milho e casinha feita de cabaça são dicas para atrair a espécie para o jardim.

07/03/2018 09h06  Atualizado há um ano

Canário-da-terra se destaca pela plumagem e pelo canto melodioso

O canário-da-terra é uma espécie muito familiar para os brasileiros, seja pelo canto forte e melodioso, pela beleza, ou por ser uma ave que não teme aproximação do homem.

Presente em quase todo o país, este passarinho de 13,5 centímetros e 20 gramas atrai olhares por onde voa. O macho é amarelo vivo com uma mancha alaranjada na frente da cabeça. Já a fêmea e o jovem da espécie não carregam na plumagem um tom tão vivo, e sim, mais oliváceo. A plumagem da ave é tão marcante que deu à Seleção Brasileira de Futebol o apelido de “Seleção Canarinho”.

Vive em bandos que podem variar desde seis até mais de 30 indivíduos. O rico repertório vocal do macho inclui um canto territorial extenso que é executado apenas durante a madrugada. Para vocalizar a ave costuma se empoleirar.

É uma espécie granívora, ou seja, que se alimenta de sementes, mas eventualmente pode consumir insetos. É comum observar a espécie selecionando as sementes no solo. É facilmente atraída para perto de casa com comedouro abastecido com sementes e quirela de milho.

Macho da espécie se destaca com plumagem intensa — Foto: Rudimar Narciso Cipriani

No período de reprodução constrói o ninho em formato de cestinha, ou utiliza ninhos abandonados por outras espécies. Pode construir o ninho em plantas como orquídeas e bromélias. A fêmea da espécie põe até quatro ovos que são chocados em duas semanas. Outra forma de atrair a espécie para o quintal é ofertando cavidades onde possa fazer o ninho, como, por exemplo, casinha de passarinho feitas de cabaça.

O canário-da-terra vive em áreas abertas, incluindo gramados, paisagens rurais, bordas de mata, áreas de Cerrado, campos naturais e também na Caatinga.

Por não ser uma ave arisca, e por possuir um canto muito admirado o canário-da-terra já foi alvo do tráfico de animais silvestres, sendo aprisionado em gaiolas. Não à toa a ave já foi considerada uma espécie ameaçada de extinção Minas Gerais.

Uma curiosidade é que o canário-da-terra possui subespécies que são encontradas em diferentes regiões dentro de sua área de ocorrência. A diferença entre e as subespécies está no canto e na coloração das penas.

No Brasil, pode ser encontrado praticamente em todo país, sendo mais escasso apenas na região amazônica. Ocorre do Maranhão ao sul até o Rio Grande do Sul, do oeste ao Mato Grosso, litoral de São Paulo e Rio de Janeiro e também em países vizinhos como Guianas, Venezuela, Colômbia, Equador, Bolívia, Peru, Paraguai e Argentina.

Article Number: 18831
Read. 181 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

Thiago Adonai Martins

Contact Me.

  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.