Topografia de Sydney

A área urbana de Sydney está em uma bacia costeira delimitada pelo Oceano Pacífico a leste, pelas Montanhas Azuis a oeste, pelo rio Hawkesbury ao Sul e do Royal National Park ao Sul. Localiza-se sobre um litoral submergido, onde o nível do oceano subiu formando profundos vales fluviais (Ria) esculpidos no arenito. Port Jackson, mais conhecido como Baía de Sydney, segue esses critérios e é o maior porto natural do mundo. A área de Sydney não é afectada por sismos significativos. A área urbana tem cerca de 70 portos e praias oceânicas, incluindo a famosa Bondi Beach. A área urbana de Sydney abrangia 1.687 km² em 2001. A divisão estatística de Sydney, usada para dados censitários, é não oficialmente a área metropolitana e abrange 12.145 km². Este área inclui o Central Coast, as Montanhas Azuis, e parques nacionais e outras áreas não urbanizadas.

Geograficamente, Sydney recai sobre duas regiões: o Cumberland Plain, uma região relativamente plana situada a sul e oeste do porto, e Hornsby Plateau, um planalto arenítico sobretudo a norte do porto e dissecado por vales íngremes.

As áreas mais antigas estão localizadas em áreas de planície ao sul do porto. A região de North Shore foi a mais lenta a se desenvolver por causa de sua topografia acidentada e falta de acesso em todo o porto. A Ponte da Baía de Sydney foi inaugurada em 1932 para ligar North Shore ao resto da cidade.
Topografia de Sydney
Article Number: 6935
Read. 504 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

Clarissa Macedo

Contact Me.

  • Email
  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.