DE PUNHAL 'ALIENÍGENA' AO VERDADEIRO ROSTO: 5 FATOS INSTIGANTES SOBRE TUTANCÂMON

Tutancâmon é uma das figuras mais conhecidas do Egito Antigo até a atualidade. Ele morreu aos apenas 19 anos de idade e sua múmia permanece como uma das mais analisadas por cientistas ao redor do mundo. Com a descoberta de sua tumba em 1922, a curiosidade aumentou ainda mais.

Seu reinado como faraó, sua vida e suas peculiaridades chamaram a atenção de pesquisadores, que tentam investigar à fundo muitos aspectos ainda desconhecidos do período em que o faraó menino viveu.

Pensando nisso, a Aventuras na História separou 5 peculiaridades sobre a vida de Tutancâmon. Casamentos incestuosos eram uma prática comum no Egito Antigo, tornando-se até mesmo tradição entre as famílias faraônicas. Uma das causas apontadas para isso é que, a partir da concentração de poder em apenas um grupo de pessoas, elas poderiam fortalecer ainda mais o seu reinado.

É o caso de Tutancâmon. Ele foi fruto do relacionamento entre uma irmã do faraó Aquenáton e o próprio Aquenáton. Porém, o jovem rei sofreu as consequências dessa união: ele provavelmente desenvolveu deformidade equinovarus, que deixaram seus pés tortos devido à essa genética.

DE PUNHAL 'ALIENÍGENA' AO VERDADEIRO ROSTO: 5 FATOS INSTIGANTES SOBRE TUTANCÂMON

O faraó menino foi objeto de muitas pesquisas ao redor do mundo, com muitas tomografias computadorizadas sendo realizadas em sua múmia. Uma das mais importantes análises radiológicas realizadas no corpo de Tut foi a feita pelo London’s British Museum, em parceria com a BBC, em 2014.

O projeto revelou a face e o corpo de Tutancâmon a partir de uma ilustração 3D. É possível observar as feições de seu rosto, como seus dentes protuberantes, assim como suas deformidades físicas, como a lesão em sua perna, que fez com que mais de cem bengalas fossem descobertas em sua tumba.Quando a tumba de Tutancâmon foi aberta em 1922, muitos objetos raros foram identificados em seu interior. Era um túmulo riquíssimo, com artefatos feitos de ouro e dos mais diferentes materiais. Um item, no entanto, chamou a atenção dos pesquisadores por ser completamente de tudo que já tinha sido visto na região.

Os egiptólogos encontraram um punhal de ferro muito raro. A partir de uma pesquisa, descobriu-se que o artefato possuía grandes níveis de níquel e a existência de cobalto, o que "sugere fortemente uma origem extraterrestre". A hipótese difundida pelos cientistas é que o punhal foi feito a partir de um meteorito, encontrado num local a 2 mil km na costa do mar Vermelho, no Egito.

Article Number: 26398
Read. 83 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

Ana Lucia Melo de Carvalho

Contact Me.

  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.