Final Fantasy XV

Final Fantasy XV (ファイナルファンタジーXV Fainaru Fantajī Fifutīn?) é um jogo eletrônico de RPG de ação desenvolvido e publicado pela Square Enix. Ele foi lançado mundialmente no dia 29 de novembro de 2016 para as plataformas PlayStation 4 e Xbox One. É o décimo quinto título principal da série Final Fantasy e faz parte da subsérie Fabula Nova Crystallis, formada por jogos que compartilham uma mesma mitologia. Originalmente desenvolvido como um título derivado chamado de Final Fantasy Versus XIII exclusivamente para PlayStation 3, ele foi pensado como uma grande mudança em relação aos jogos anteriores da série, possuindo uma atmosfera focada em ambientes realistas e personagens mais humanos.
Final Fantasy XV

Final Fantasy XV se passa em Eos, um mundo similar à Terra moderna. Todas as nações desse mundo foram subjugadas e estão sob o domínio do Império de Niflheim, com a exceção do Reino de Lucis. Noctis Lucis Caelum, herdeiro do trono de Lucis, parte em uma jornada para retomar sua pátria e seu cristal mágico depois deles terem sido tomados por Niflheim nas vésperas de negociações de paz entre os dois países. O jogo apresenta um ambiente de mundo aberto e um sistema de combate em tempo real orientado para a ação semelhante a aqueles presentes em Final Fantasy Type-0 e na série Kingdom Hearts, incorporando a habilidade de trocar armas e outros elementos como acampamentos e a condução de veículos.

O desenvolvimento começou em 2006 e durou aproximadamente dez anos. Tetsuya Nomura foi o diretor original e projetista, criando os personagens e o conceito da história. O tamanho do projeto cresceu durante a produção e ele foi renomeado em 2012 como um jogo da série principal e transferido para os consoles da oitava geração. Nomura foi substituído na direção por Hajime Tabata, com vários elementos precisando ser alterados ou revisados a fim do título poder ser completado. Um projeto multimídia chamado Final Fantasy XV Universe foi criado com o objetivo de expandir a história e universo sem a necessidade da produção de jogos adicionais: seus produtos incluem uma minissérie de anime e um filme de computação gráfica.

Final Fantasy XV foi bem recebido pela crítica ao finalmente ser lançado; sua jogabilidade de combate e projeto de mundo aberto foram elogiados de forma geral, enquanto sua história e personagens tiveram uma recepção um pouco mais mista. O jogo foi um grande sucesso comercial, vendendo cinco milhões de unidades em apenas um dia, o suficiente para cobrir todos os custos de produção. Ele também foi indicado e venceu vários prêmios de final de ano. Vários conteúdos extras foram lançados, desde episódios de histórias centrados nos personagens principais até a adição de um modo multijogador online. Versões especiais para aparelhos celulares, Microsoft Windows e Nintendo Switch estrearam posteriormente em 2018

Jogabilidade

Final Fantasy XV é um RPG eletrônico de ação. Os personagens podem andar livremente pelos ambientes do jogo.[1] Um sistema climático dinâmico está presente em todas as áreas, com efeitos transitórios como chuva afetando elementos como as roupas dos personagens.[2] Durante a navegação, marcadores podem ser colocados pelo mapa a fim de auxiliarem na orientação.[3] O mundo do jogo é uma enorme massa de terra que pode ser explorada a pé, por carro ou cavalgando chocobos, aves galiformes recorrentes da franquia Final Fantasy. Telas de carregamento ocorrem apenas quando os personagens entram em alguma cidade ou vilarejo.[4] O jogador pode visitar tais lugares para descansar em hotéis ou comprar ingredientes para as refeições preparadas durante os acampamentos.[5] Os personagens possuem um carro próprio chamado Regalia, que pode ser dirigido por Noctis ou por Ignis, dessa forma ativando a opção de direção automática pela inteligência artificial. Esse veículo é cuidado pela mecânica Cindy.[2][6] O Regalia pode ser modificado a fim de tornar-se também uma aeronave, permitindo que o grupo voe pelo mapa de jogo.[7] É necessário alugar chocobos para poder cavalgá-los.[5]

Um sistema de dia e noite afeta a aparição de inimigos pelo mapa do mundo. Um dia no jogo equivale a uma hora em tempo real, com as habilidades de combate dos personagens caindo caso eles não durmam e descansem.[6][8] Tipo, número e força dos inimigos mudam dependendo da hora do dia.[3] Existe também um sistema dinâmico de clima, com efeitos passageiros como a chuva afetando coisas como as roupas dos personagens.[2] Acampar durante a noite é necessário para que os personagens mantenham sua performance de combate e subam de nível: pontos de experiência ganhos durante as batalhas são convertidos em novos níveis durante os períodos de acampamento. Os acampamentos formam um local seguro durante a exploração, com pratos podendo ser cozinhados a partir de ingredientes comprados ou encontrados e que dão bônus especiais aos personagens.[5][6] Os bônus diminuem de intensidade com o passar do tempo, com novas refeições sendo necessárias para renová-los. O jogador pode retornar ao acampamento a qualquer momento uma vez que ele seja estabelecido.[3] Minijogos, como pescaria, também estão disponíveis.[5] Missões são recebidas de personagens não jogáveis espalhados pelo mundo, com sua realização gerando pontos de experiência e dinheiro. Itens adquiridos podem ser vendidos em certas áreas específicas.[3]

Article Number: 18524
Read. 465 Time.
Rate this article.
Thank you for your vote.

This article was written by:

Rogerleks Frasson

Contact Me.

  • Email
View More. Close.

article.Autor.author_review

Other articles written by this Author.